Twitter

CUT AL > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > ATO DO 1º DE MAIO REÚNE MILHARES DE PESSOAS EM MACEIÓ

Ato do 1º de Maio reúne milhares de pessoas em Maceió

04/05/2015

O tradicional ato da Central Única dos Trabalhadores em Alagoas (CUT-AL) em comemoração ao Dia do Trabalhador reuniu, este ano, milhares de pessoas na orla marítima de Maceió...

Escrito por: Ascom/CUT-AL

 

O tradicional ato da Central Única dos Trabalhadores em Alagoas (CUT-AL) em comemoração ao Dia do Trabalhador reuniu, este ano, milhares de pessoas na orla marítima de Maceió, que participaram de uma passeata do Jaraguá até a Ponta Verde. A mobilização teve como lema “Direitos, Democracia e Combate à Corrupção”, e a principal bandeira de luta foi contra o projeto de lei 4330, que libera a terceirização indiscriminada.

Segundo a presidenta da CUT-AL, Amélia Fernandes, o ato deste ano teve ainda mais sentido após os últimos acontecimentos. “Este ato tem o caráter de luta, de combate à privatização da Casal e principalmente, contra a terceirização, que é um claro sinal de desvalorização do trabalhador, mais um estímulo a corrupção. Simplesmente rasgaram a CLT”, criticou.

Servidores públicos da Prefeitura de Maceió e do Estado cobraram a valorização profissional, reajuste salarial e melhores condições de trabalho. A truculência da Polícia Militar do Paraná contra os servidores da Educação do Estado também foram lembrados no manifesto. "O desrespeito com o servidor público se tornou uma coisa comum, mas nós lutamos todos os dias contra isso. Mas a atitude do governador do Paraná, Beto Richa, foi insana, a prova de que este governante não tem condições de cuidar de um Estado tão importante e desenvolvido", criticou Girlene Lázaro, diretora da CUT.

O ato do 1º  de Maio contou com a participação dos diversos sindicatos filiados à CUT-AL, movimento estudantil, movimentos sociais, sem-terra e sem-teto. 

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.

João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta(...)

RÁDIO CUT

CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES DE ALAGOAS
Rua General Hermes, 380 | Cambona | CEP 57017-200| Maceió | AL
Fone: (55 82) 3221.6794 - (55 82) 3336.8786| www.cut-al.org.br | e-mail: cutalagoas@gmail.com